terça-feira, 28 de abril de 2009

Dicas para enviar currículo

Mês passado, recebi centenas de currículo no jornal onde eu trabalhava. E desde então tenho pensado em escrever sobre isso, como forma de ajudar as pessoas. Eu nunca tinha sido responsável por analisar currículos. E agora sei a importância de certas dicas que às vezes não levamos em consideração.

1) A primeira dica e a mais essencial é: não mande currículo como anexo. Sempre cole no corpo do email. Isso facilita imensamente a vida de quem irá ler os emails, além de evitar a propagação de vírus;

2) Ao citar as experiências profissionais, comece SEMPRE pela mais recente, e siga em ordem decrescente;

3) Se você trabalha na área de comunicação, como eu (sou jornalista), uma dica bacana é reunir seus trabalhos em um blog ou site. Se a pessoa se interessar pelo seu currículo, é mais fácil ela clicar no link do que ficar abrindo anexos com exemplos de matérias publicadas;

4) Se você REALMENTE domina a língua portuguesa, destaque no seu currículo - pode parecer bobagem mas é uma característica importantíssima atualmente. Só tome cuidado para não cometer gafes logo na apresentação. Recebi currículos destacando essa qualidade mas a pessoa errou a gramática logo de cara;

5) Recebi alguns currículos em formato pdf. Poucos, mas recebi. Gente, jamais um selecionador vai perder tempo abrindo arquivos em pdf, por mais extraordinária que seja sua apresentação;

6) Foto no currículo? Só se a empresa pedir. Atualmente, isso está fora de uso;

7) Ao enviar o currículo, escreva algumas linhas se apresentando à pessoa que irá receber o email e faça um breve resumo das suas qualificações. Destaque suas principais habilidades e características, diga qual é sua disponibilidade de horário, se pode viajar a trabalho. São informações importantes, mesmo que a princípio a vaga não exija;

8) Não é bacana mandar email com cópia oculta para centenas de endereços, de maneira generalizada. A impressão que o selecionador tem nesses casos é de que a pessoa está desesperada atrás de emprego e mandou email para todas as vagas que encontrou pela frente. Por mais que isso seja verdade, certas atitudes é melhor omitir;

9) A qualificação é importante, mas a apresentação do currículo também é fundamental. Neste caso, aquela máxima de "não julgar o livro pela capa" não vale.

10) Se você não se encaixa na maioria das exigências que a vaga pede, não perca seu tempo enviando email e não faça o selecionador perder tempo deletando seu currículo.


Essas não são dicas de um selecionador profissional. São apenas itens que observei e que acho relevante repassar.

3 comentários:

Igor Cruz disse...

Putz meu, eu tinha acabado de fazer um link...rs - se quiser conferir e dar sugestão eu aceito!! heheheheh

http://igorccruz.blogspot.com/

beijão

Carol Rocha disse...

Bacana, Igor!! Entrei no seu blog. É isso mesmo. Facilita muito a nossa vida e a de quem seleciona.

beijo!!

Jony Favaro disse...

ótimas dicas... :)